segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Onde há fumaça há fogo

E a fumaça que um dia eu desprezava
não sai da minha cabeça.
Queria te colocar em um potinho
e guardar na estante assim.
Pra sempre te ter por perto.
Mas descobri que isso é impossível,
não tem como te prender.
Foste feito pra ser livre, como o vento.
Mas através de meu fogo fico perto de ti
meu amor, minha fumaça.